Comunidade LGBTQIA+ de Curaçao tem muitos motivos para celebrar

14 de outubro de 2021

Categoria: Blog

A Curaçao Pride retorna à agenda oficial de eventos presenciais da ilha e acontecerá entre 30/09 e 03/10. Todos os participantes devem fazer reservas antecipadas. Tribunal de Primeira Instância de Curaçao reconhece o casamento entre pessoas do mesmo sexo, o que deve mudar a legislação local.

Pride Curaçao acontece entre 30 de set e 03 de out

Willemstad (Curaçao), Setembro de 2021 – Curaçao é, sem dúvida, o destino LGBTQIA+ friendly mais famoso do Caribe. A Curaçao PRIDE Edição 2021, retorna ao calendário anual e acontecerá entre 30/09 e 03/10. “Estamos muito satisfeitos que a Curaçao Pride retorne este ano. Elaboramos um programa maravilhoso que pode ser encontrado em nosso site e na página do Facebook”, afirma Frank Holtslag, presidente da Parada do Orgulho de Curaçao.

A programação começa no dia 30 com o “Orgulho Punda Vibe”s, às 17h30, onde diversas atividades acontecerão pelas ruas históricas; o Rainbow Lounge (01/10) e a Festa do Branco (02/10) serão na Landhuis Bona Vista, mansão oficial do evento. Completando a agenda, no domingo (03/10), serão realizados um brunch no restaurante Kome e um desfile náutico pela baia de Willemstad. A organização recomenda reservas através do Whatsapp: +5999 6927091.

“Nós temos 40 praias e a maior preocupação é qual visitar durante a estadia. O nosso objetivo é sempre promover a diversidade. Todos são mais do que bem-vindos para festejar conosco. Agora neste cenário com muita segurança, distanciamento e com reservas antecipadas”, destaca Andre Rojer, Gerente Regional para América do Sul do Escritório de Turismo de Curaçao.

Curaçao deve permitir o casamento entre pessoas do mesmo sexo.

Um tema recente agitou a imprensa local e deve ser celebrado durante o Pride Curaçao 2021. Em 13 de setembro de 2021, o juiz do Tribunal de Primeira Instância de Willemstad decidiu que a disposição atual, conforme previsto na constituição curaçalenha, de que o casamento só pode ser celebrado entre um homem e uma mulher é contrária ao princípio da igualdade e à proibição de discriminação. A decisão foi tomada em um caso aberto apresentado pela organização de direitos humanos Human Rights Caribbean em nome de duas mulheres que desejam se casar.

A proibição do casamento entre pessoas do mesmo sexo tem sido um tópico de discussão na ilha há algum tempo. Na decisão recente do Tribunal de Primeira Instância foram discutidos regulamentos legais e os desenvolvimentos junto ao Reino dos Países Baixos, à região e ao mundo no que diz respeito à temática. Segundo o juiz, o impedimento atual não é apenas inconstitucional, mas, também, vai contra o espírito friendly da ilha caribenha. A sentença é, portanto, um passo frente à emancipação das pessoas LGBTQIA+ e um ativo para toda a comunidade e minoria que vive em Curaçao.

Para entrar em Curaçao, todos os visitantes devem checar os trâmites oficiais disponíveis no site: http://www.dicardcuracao.com. O programa completo da Curaçao PRIDE 2021 pode ser encontrado no link www.curacaopride.com e/ou na página do Facebook.

Banner oficial do Curaçao Pride 2021

TALVEZ VOCÊ GOSTE TAMBÉM

Fortalecimento do Turismo de Base Comunitária expande-se pelo Amapá

Agência Amapá EcoCamping realizou oficina no Município de Serra do Navio com aproximadamente 30 comunitários. A comunidade já compreende que Read more

Summit Blue-Ing The Circular Economy apresenta novidades para a comunidade do Brasil e Atlântica

Novas estratégias de investimento, comunicação, mudança de mindset e tecnologia foram apresentadas para dar escala à nova economia. O evento, Read more